Potiguar: Dificuldades financeiras impedem vinda de reforços

February 6, 2020

Com a aproximação do segundo turno do Campeonato Estadual, pelo jeito o Potiguar vai praticamente com a mesma equipe que disputou o 1º turno e terminou na 5ª colocação com apenas oito pontos. A estreia no returno será nesta segunda-feira, 10, contra Santa Cruz, no Frasqueirão, em Natal.

 

Desde os tempos do técnico Luciano Quadros, havia necessidade de trazer pelo menos quatro reforços. O treinador saiu do clube, e os novos atletas não chegaram.

 

Pelo contrário, além do treinador, saíram três jogadores: o lateral-esquerdo Jefferson Siqueira e os meias Denílson e Marcelo Cabral, o que deixou o elenco ainda mais reduzido.

 

Veio o técnico João Menezes, contratado para o lugar de Luciano, e desde que chegou, João Menezes pede reforços para a diretoria. Na semana passada, após derrota para o América, o treinador falou da necessidade de o time ter, pelo menos, uns cinco novos atletas. Nesta semana, somente um jogador chegou, no caso o atacante Leozinho.

 

O gerente de futebol, José Neto, admitiu que o clube vem encontrando dificuldades para atender ao pedido do treinador.

 

“Nosso treinador tem pedido reforços, nós estamos tendo muitas dificuldades, estamos em situação difícil, condição financeira precária, mas estamos procurando achar meios para que possamos reforçar nossa equipe para o 2º turno”, disse ele em entrevista ao repórter Ítalo Praxedes, da Rádio Difusora.

 

A prioridade, de momento, é levantar recursos para seguir em dia com a obrigação salarial com os jogadores, mas mesmo assim o dirigente não descarta a possibilidade de contratação de novos atletas.

 

“Temos uma folha para pagar até segunda-feira, estamos correndo atrás para deixar tudo certinho com o pessoal, e trabalhar a questão dos reforços. Sei que não é fácil, está tudo muito difícil, mas a gente vai ter que se ‘rebolar’, tentar”, disse.

 

Segundo José Neto, os dois jogos de portões fechados no começo do Estadual, atuando como mandante, impuseram prejuízos ao time mossoroense, pois deixou de arrecadar com a bilheteria. 

 

“Isso nos prejudicou, não é desculpa, porque se a gente estreia juntamente com o nosso torcedor, com certeza era bem melhor, haveria alguma renda o que nos ajudava. Mas já passou, não adianta mais olhar para trás”, comentou.

 

ZAGUEIRO SAI

 

Além das dificuldades de se contratar, o Potiguar sofre com a saída de atletas. Ontem, o zagueiro Alexandre chegou a acordo com o clube e teve o vinculo encerrado. Não se sabe se um substituto será contratado.

 

                                                                                                                                                                                                                                                       Foto Yhan Victor 

    José Neto admitiu dificuldades financeiras

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017  - Todos os direitos reservados a Marcos Santos. Orgulhosamente criado com Wix.com

Espaço publicitário