Atletas ex-Potiguar conquistam Copa Rio pelo Bonsucesso

Pela primeira vez na história, o Bonsucesso é campeão da Copa Rio. O título inédito foi alcançado nesta quarta-feira, 28, com vitória por 1 a 0 no jogo da volta contra a Portuguesa, no Estádio Nilton Santos - na ida: 0 a 0. Denilson definiu o placar e o destino do caneco em favor do Rubro-Anil da Leopoldina.

O triunfo também dá o direito ao Bonsucesso de escolher entre uma vaga na Copa do Brasil ou Brasileiro da Série D em 2020. O clube já definiu a primeira competição como prioridade, enquanto a quarta divisão nacional ficará com a Lusa, vice-campeã da Copa Rio.

Cinco atletas do “Cesso” defenderam o Potiguar no Campeonato Estadual deste ano: o zagueiro Wallace, o lateral-esquerdo Ricardinho, os meias Giovanni e Lucas, e o atacante Vinicius. No jogo desta quarta, Wallace, Ricardinho e Lucas iniciaram entre os titulares.

O lateral-direito Rossales, que defendeu o Potiguar na Série D do Brasileiro de 2016, entrou no decorrer da partida no posto de Berlamino.

A equipe campeã teve Luciano Quadros no comando técnico, após saída de Emanoel Sacramento, treinador que também esteve à frente do Potiguar neste ano. Sacramento comandou o Bonsucesso em várias partidas, classificou o time para as semifinais, mas acabou saindo após desentendimento com um membro da diretoria. Assim, Quadros, que havia trocado o Bonsucesso pelo Sampaio Corrêa/RJ, retornou ao clube e foi feliz.

Foto Raphael Santos - La Marca

Ricardinho (à esq.) e Giovanni (no centro) comemoram gol de Denilson na vitória por 1x0