Mossoró EC dá um tempo em competições e foca no CT

July 9, 2019

O Mossoró Esporte Clube (MEC) deu um tempo no futebol por um motivo o qual o time considera muito justo: focar na construção de um centro de treinamento básico e também na compra de um transporte coletivo. O projeto está dividido em três etapas e deve custar algo em torno de R$ 200 mil.

 

Com olhar voltado exclusivamente para o desenvolvimento do patrimônio, a gestão do MEC decidiu não participar das competições para este segundo semestre, as quais vinham disputando nas últimas temporadas, no caso o Campeonato Estadual Sub-19 e o Estadual da 2ª divisão.

 

Pelo levantamento feito no ano passado, foi gasto algo em torno de R$ 100 mil com essas duas competições, sendo que boa parte desse valor foi obtido através de parcerias. Agora, a gestão do time entendeu que, mesmo sem as parcerias advindas em função de campeonatos, é possível fazer um esforço para erguer a estrutura física, que é essencial para quem lida com o futebol nos dias atuais.

 

“Se colocássemos o time nessas duas competições, não iniciaríamos o projeto do centro de treinamento, ou seja, uma coisa atrapalharia a outra. Como a estrutura física é prioridade, então decidimos colocar o projeto em prática”, informou o dirigente do MEC, Lenilton Silva, ao Blog.

 

Ele não entrou em detalhes se o projeto é bancado pelo recurso próprio do presidente, João Dehon da Rocha, ou se há parceiros junto com Dehon nessa empreitada. Adiantou apenas as etapas traçadas para execução do CT.

 

“A primeira já está sendo feita, que é a terraplanagem e perfuração do poço; a segunda é murar e inserir a grama; e a última é a construção do alojamento e também a compra de um micro-ônibus porque o alojamento dos atletas será construído em outra área”, disse.

 

O campo está sendo construído por trás da Porcellanati, próximo ao bairro Nova Mossoró, numa área com dimensão suficiente para fazer mais dois campos. O terreno, segundo informações, é de propriedade de João Dehon.

 

Segundo Lenilton, a Casa do Atleta será erguida no conjunto Santa Helena, distante 10 quilômetros do campo, o que justifica a compra de um transporte coletivo. A localização do campo é bem distante da cidade – 20km do centro –, por isso o alojamento será construído em outro local.

 

A intenção é concluir o projeto até o fim do ano e voltar as atividades de campo em abril de 2020 com a competição da Liga Desportiva Mossoroense (LDM) e principalmente as competições promovidas pela Federação estadual de futebol: o Estadual sub-19 e a Segunda Divisão.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017  - Todos os direitos reservados a Marcos Santos. Orgulhosamente criado com Wix.com

Espaço publicitário