Baraúnas pode voltar aos gramados neste ano

April 25, 2019

Os próximos dois meses serão decisivos para o futuro do Baraúnas na atual temporada: se o clube segue inativo como está de momento, preocupado apenas em pagar as contas, ou se retoma às atividades de forma pensada, com o futebol viabilizado para as disputas da 2ª divisão do Campeonato Estadual, evitando obtenção de novas dívidas.

 

Atualmente, a indefinição predomina, mas a reorganização do tricolor vista nos últimos meses tem provocado um entusiasmo entre os integrantes do grupo de associados, defendendo o retorno do Leão aos gramados nesta temporada. Inclusive, o interventor do clube, Damásio Medeiros, admitiu que há um pretende para cargo de presidente nas eleições, que deverão acontecer em breve.

 

“Dentro do próprio grupo de associados, tem candidato a presidente. Só não posso adiantar o nome, mas essa pessoa já se colocou à disposição. Claro, contanto que tenha o respaldo de todos do grupo em sua gestão”, disse o interventor, sem revelar o nome do pretendente.

 

Uma reunião entre os componentes desse grupo de associados estava marcada para a noite desta quarta-feira, 24, para tratar justamente das eleições e outros assuntos inerentes ao possível retorno do Baraúnas aos gramados.

 

No mês passado, Damásio Medeiros concedeu entrevista ao Blog, afirmando que defende o retorno do Baraúnas após o clube zerar as contas antigas. Ele segue com o mesmo pensamento, mas também entende que a volta do time, caso confirmada, precisa ser bem planejada para não prejudicar o processo de quitação das dívidas e todo um trabalho estrutural.

 

“Uma coisa é certa: caso o Baraúnas confirme o retorno, ele volta sem depender de bilheteria, com o time viabilizado para evitar novas dívidas. Estamos com muito esforço saudando os débitos e não podemos contrair outros. Esse pensamento é unânime entre os componentes do grupo”, disse.

 

INTERVENÇÃO E RESULTADOS

 

Por decisão judicial, o tricolor segue sob o controle do interventor Damásio Medeiros e sua equipe, cujo trabalho de sete meses tem apresentado bons frutos, com cerca de 40% da dívida trabalhista já liquidada. Além disso, o tricolor conta com um grupo de 21 associados adimplentes, contabilidade em dia, e com Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) ativo.

 

Todo mês, o interventor apresenta um relatório ao juiz Edino Jales, da 1ª Vara Cível de Mossoró, prestando contas e mostrando o que está sendo feito. No primeiro momento, a intervenção determinada pelo juiz foi de três meses, e agora ela ocorre sem período determinado, no entanto Edino Jales sugere a realização de eleição para o Baraúnas voltar ter o seu quadro diretivo com presidente e vice.

 

Foto: Reprodução TCM

Há pretendente para a presidência e eleições devem acontecer em breve

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017  - Todos os direitos reservados a Marcos Santos. Orgulhosamente criado com Wix.com

Espaço publicitário