Goleiro Andrei vive bom momento no Potiguar

April 5, 2019

Quando chegou ao Potiguar na 3ª rodada do 1° turno do Campeonato Estadual, o goleiro Andrei mostrou pensamento coletivo, respeitoso para com quem estava de titular na época, o goleiro Théo, mas avisou que iria buscar o seu espaço na equipe. “Mesmo ele (Théo) sendo o concorrente da posição, torço por ele, para ele ir bem nos jogos, porque o pensamento é de grupo. Agora, se der brecha e a gente entrar, a gente não sai mais (do gol)”, disse ele no dia da apresentação ao alvirrubro.

 

Passaram-se os jogos, o goleiro recebeu a chance e paga o que havia prometido, garantindo-se no gol alvirrubro com boas apresentações neste segundo turno do Estadual.

 

“Sempre busco o meu espaço, claro respeitando os companheiros, e felizmente estou tendo a oportunidade de mostrar o meu trabalho aqui no Potiguar”, disse.

 

O técnico de goleiros do Potiguar, Marcão, enalteceu o trabalho de Andrei. “Um bom profissional, assim como os demais (goleiros) que estão aqui; um goleiro rápido, ligado com o jogo, e que está vivendo um bom momento na equipe”, comentou.

 

Natural de Barão de Grajaú/MA, Andrei tem 26 anos e começou a carreira no futebol piauiense, tendo defendido o Oeiras, depois o Flamengo, e também com atuações no futebol cearense e pernambucano.

 

“Estou no futebol desde os meus 15 anos e não parei de lá para cá. Sempre tem uns obstáculos na carreira, o que é normal, mas nunca desanimei. Procuro trabalhar, ser responsável, focar nos objetivos, para buscar algo maior na carreira”, comentou.

 

Nesse segundo turno, o Potiguar tem a segunda melhor defesa do campeonato, junto com o Globo, perdendo apenas para o América. Segundo Andrei, isso é reflexão do jogo encaixado e bem definido taticamente.

 

“É resultado do coletivo, o nosso time é bem compactado, e com uma marcação que começa lá na frente”, ressaltou.

 

Para o jogo deste domingo, 7, diante do Santa Cruz de Natal, Andrei deverá ser preservado. O goleiro está “pendurado” com dois cartões amarelos. O jogo seguinte, na quarta-feira, 10, será a decisão do returno contra o América, o que leva comissão técnica a admitir a possibilidade de poupar o atleta para a final.

 

“Não sei o que vai acontecer, tem essa possibilidade, mas isso fica a critério de Marcão junto com o professor Sacramento”, disse.

 

Foto Marcos Garcia, Jornal de Fato

Natural de Barão de Grajaú/MA, Andrei tem 26 anos e começou a carreira no futebol piauiense

 

.

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017  - Todos os direitos reservados a Marcos Santos. Orgulhosamente criado com Wix.com

Espaço publicitário