Goleiro Yuri dá um tempo no futebol profissional

November 28, 2018

O goleiro Yuri deu um tempo no futebol profissional. Por questões familiares, o atleta se afastou dos gramados, recusou recentemente convites de alguns clubes e segue trabalhando em uma empresa na cidade de Patos (PB), sua terra natal.

 

“Desisti, não. Prefiro dizer que dei um tempo por questões familiares. Sou um cara novo, um dia posso voltar a jogar, mas no momento preciso estar próximo e cuidar da minha família”, explicou o goleiro de 22 anos.

 

O problema é que o goleiro sofreu um grande baque devido à perda do seu pai, Ildo José, falecido há seis meses. Com isso, Yuri precisou se reinventar e tal mudança determinava uma aproximação mais afetiva ao lado da mãe e viúva, Maria Dalva, bem como da esposa, Gerlândia, e da filhinha Evelyn. O que não seria possível se ele continuasse jogando devido ao tempo integral que exige o futebol, além de concentrações e viagens para jogos fora da cidade.

 

“Não era só um pai; ele era irmão e amigo. Foi um grande baque para mim”, confessou Yuri.

 

O goleiro morava em Mossoró havia pouco mais de três anos, mas com a morte do pai precisou voltar para o interior da Paraíba. Atualmente, ele exerce a função de auxiliar de estoque no Armazém Paraíba por quem é muito grato.

 

“Sou muito agradecido pela oportunidade que eles me deram. Estou trabalhando aqui há alguns meses”, informou.

 

O goleiro jogou por um ano na base do Potiguar e mais dois no time de profissionais, sendo opção por sua jovialidade. Na sequência, uma lesão no joelho interrompeu os seus planos no Mossoró Esporte Clube. Quando se recuperou, isso no ano passado, ele foi contratado pelo Baraúnas,  defendendo o tricolor no Campeonato Estadual, destacou-se nos jogos apesar da queda do tricolor para a segunda divisão.

 

Yuri é considerado um grande talento no futebol, analisado e observado por profissionais da área específica que o treinaram nos últimos anos. Recebeu recentemente propostas para voltar aos gramados, mas as recusou. No entanto, ele não descarta futuramente um retorno.

 

“Recebi proposta do Mossoró para a segunda divisão, também do Sport de Patos, e teve outras (propostas) não tão concretas de outros times, mas infelizmente tive que recusar pelo motivo já dito. Mas Deus sabe todas as coisas; se for para um dia voltar ao futebol, aceitarei numa boa, pois é uma função de que eu gosto”, finalizou.

 

Foto: Yhan Victor

Última atuação de Yuri no futebol mossoroense foi defendendo a camisa do Baraúnas

 

 

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

© 2017  - Todos os direitos reservados a Marcos Santos. Orgulhosamente criado com Wix.com

Espaço publicitário