Mossoró EC vence, mas é eliminado nos pênaltis

O Mossoró Esporte Clube venceu o jogo, mas perdeu nos pênaltis e foi eliminado pelo Palmeira de Goianinha na semifinal do Campeonato Estadual da segunda divisão. O duelo aconteceu na tarde desta quarta-feira, 31, no Estádio Nogueirão.

Como perdeu o primeiro jogo da semifinal por 2x0, o time mossoroense entrou com a obrigação de vencer pelo menos com dois gols de diferença. E logo aos 6 minutos do primeiro tempo, abriu o placar com Adalgiso Pitbull escorando uma jogada de escanteio.

Na segunda etapa, Ciel foi derrubado na grande área. Pênalti assinalado pelo juiz Suelson Diogenes e convertido por Adalgiso Pitbull, batendo com categoria.

Na bola parada, Romeu subiu mais alto e ampliou o escore para o time da casa. O resultado era suficiente para a classificação, evitando os pênaltis.

No entanto, aos 47 minutos, falta para o Palmeira. Num lance infeliz, o goleiro Érico se atrapalhou ao tentar afastar a bola, permitindo o gol de Toinho. Com isso, o jogo foi para os pênaltis.

O representante de Goianinha levou a melhor vencendo por 4x3. A equipe converteu os quatro pênaltis e o Mossoró perdeu um, com Wallace Xuxa. Coube ao volante Odair a ultima batida, vencendo Érico num chute forte e colocado.

Agora, o Palmeira decidirá o acesso à elite de 2019 na final contra o Alecrim na próxima terça-feira, 6, na Arena das Dunas.

FICHA TÉCNICA

Local – Nogueirão

Juiz – Suelson Diogenes

Mossoró EC

Erico, Ketson (Nackson), Marinho, Nildo e Nino; Romeu, Wallace Xuxa e Ciel (Hudson); Radames, Adalgiso Pitbull e Raul Paloma (Klynsmann). Tec. Edinho

Palmeira

Messi, Bebeto, Arthur Potiguar, Yan e Marcones (Toinho); Yago (Caça Rato), Odair, Chiclete e Ivson; Netinho e Leozinho (Diego Silva). Tec. Marcos Manoel.

Foto: Marcelo Diaz

Mossoró venceu por 3x1, tirou a vantagem do adversário, mas não teve competência nos pênaltis